Avalie este produto

NO TEMPO DE NERO

Em 1947, Monteiro Lobato retornou ao Brasil depois de ter morado durante um ano na Argentina, país no qual seus livros infantis alcançaram grandes tiragens. Neste período, a Editorial Codex, de Buenos Aires, pediu ao escritor novas histórias com os personagens do Sítio do Picapau Amarelo. Das vinte obras idealizadas, seis foram publicadas e lançadas na Argentina e no Brasil. Mais tarde, quando organizou suas Obras Completas, o autor deixou de fora algumas das narrativas encomendadas pelo editor argentino. No tempo de Nero é uma dessas preciosidades que ficou 66 anos escondida. Agora, com a nova edição, os leitores têm acesso a uma história praticamente inédita, daquelas que soltam as amarras da fantasia. Na aventura, os personagens do Sítio do Picapau Amarelo querem conhecer a Roma Antiga. Dona Benta concorda com a viagem com a condição de visitarem o período governado por Marco Aurélio, que, segundo ela, era um homem nobre e sábio. Mas Emília, que achava os imperadores estourados muito mais interessantes, dá um jeito de levar todo mundo para o tempo do terrível Nero. Mal chegam a Roma, eles são presos por terem “cara de cristãos” e, graças a uma conversa divertidíssima entre Tia Nastácia e os soldados romanos, são condenados pelo pior crime da época. Enquanto o grupo é obrigado a enfrentar uma fera em plena arena do Coliseu, Emília trata de inventar um plano para tirar todo mundo daquela encrenca.

Avalie este produto

Mostra e-mail?

Segurança